"Mila"

Pug

E mais uma vez eu estou aqui tentando colocar as palavras em ordem, mas eu não consigo. Escrevo e apago, e tem sido assim nos últimos tempos. Mesmo com várias coisas acontecendo, pensamentos a mil, último mês corrido. Mesmo com a mente ocupada (ou tentando fazer ela ficar ocupada) não está dando, não estou conseguindo lidar com isso. Dizem que com o tempo a dor vai embora e só ficam as lembranças boas, mas as vezes essa saudade é tão sufocante, parece que tudo vai explodir. Alguns acham estranho eu não ver suas fotos, não ver seus vídeos, mas mal sabem eles que não consigo ver algo seu sem me derramar em lágrimas. Quando me falaram que você tinha ido embora foi como se eu tivesse levado vários tiros no peito e continuado viva. Sabe, disseram-me para para eu seguir minha vida e deixa-la "descansar em paz”. Ok, minha mente já entendeu, mas como fazer o coração aceitar? É como se você perdesse seu óculos, e descobrisse que todos os óculos do mundo tivessem acabado e agora você teria que aprender a se virar sem eles. "O tempo resolve tudo”, eles disseram. Acredito que quase tudo. Cura um joelho ralado, mas não cura a ausência de uma vida perdida; dá fim à distância, mas não permite mais um abraço daqueles que se foram. Talvez o tempo seja aliado para vários fatores, mas sinto que a cada dia que passa, a dor da sua morte aumenta mais e mais. É a saudade que não termina, a ausência que perdura, e o teu lugar, que jamais será ocupado .É tão estranho saber que você não está mais aqui, parece brincadeira. Você sempre foi minha motivação para não desistir dos meus sonhos, eu dizia que eu ia dar orgulho pra vocês, (lembra meu amorzinho?); mas calma aí, como assim você desistiu? Logo você? Só pode ser uma piada, só que não tem graça. As pessoas não entendem a dor que se sente. Não entendem nem mesmo o significado real da palavra saudade. A saudade é eterna. Não entendem que por mais que eu chore, grite, implore você nunca mais vai vir, nunca mais vou poder te apertar, beijar seu narizinho mesmo sem você gostar, nunca mais vou poder estudar com você ao meu lado, nunca mais vou poder cuidar de você dormindo, nunca mais vou poder dormir com você. "Nunca mais” é uma palavra tão forte/pesada né? Pois é.
Minha fé em dias melhores tem me mantido forte, Deus me carregou no colo quando meus pés cansaram, e sabe o que mais? O amor. Esse amor que tenho por você é tão grande que me faz acreditar que você está bem, longe da maldade do mundo. Só peço para que me ajude a ficar forte como sempre fez, mesmo de longe.
Eu te amarei para sempre minha Milinha. Minha estrelinha. Minha alegria. Meu amor. Meu pacotinho de amor!

Para mais informações sobre nosso plano de pagamento antecipado